O que eu consegui escrever sobre “As Brasas”

Estou para escrever sobre "As Brasas" (Companhia das Letras) há mais de três meses, quando terminei a leitura do livro de Sándor Márai. Não consegui desde então compor um texto que traduzisse o impacto do livro, uma brutal investigação sobre vingança. Este foi o primeiro título que li do escritor húngaro, comprado naquelas promoções de … Continue lendo O que eu consegui escrever sobre “As Brasas”

Uma viagem de cheiros e memória

Gyula Krúdy é considerado o maior autor húngaro por nomes como Sándor Márai e Imre Kertész, este Prêmio Nobel de Literatura em 2002, mas sua obra é pouco conhecida no Brasil. Dono de imenso catálogo de romance, crônica, ensaio, teatro e conto, Krúdy só tem três opções em português: contos selecionados para as coletâneas "Contos … Continue lendo Uma viagem de cheiros e memória