A guerra pelo olhar dos combatidos

Escrever sobre guerra é tema fundamental do jornalismo. Muitos argumentam que nesse gênero está a essência do jornalismo, em que o repórter é confrontado com o fato da forma mais cruel. Michael Herr ("Despachos do Front"), José Hamilton Ribeiro ("O Gosto da Guerra"), Ryszard Kapuscinski ("Ébano") são alguns nomes que traduziram conflitos em literatura. Martha Gellhorn … Continue lendo A guerra pelo olhar dos combatidos

Anúncios

O medo de um resfriado do Bartleby russo

A curta obra de Ivan Gontcharóv é compensada pelo monumento "Oblómov", lançado no Brasil no ano passado em edição caprichada pela CosacNaify. Contemporâneo de Gógol, antecipa a geração de Tolstói e Turguêniev, com quem ainda dividiria atenção, o escritor russo é conhecido como autor de um livro só, apesar de ter publicado dois outros romances. … Continue lendo O medo de um resfriado do Bartleby russo

Carrère: uma experiência de leitura

Li Emmanuel Carrère pela primeira vez há quase dois anos. Seu "Outras Vidas que Não a Minha" (Alfaguara) foi das leituras mais potentes que tive nos últimos anos. Tempos depois, li "O Adversário" (Record), um livro-reportagem sobre um francês que finge por 18 anos ser um médico da OMS, mata sua família e queima sua … Continue lendo Carrère: uma experiência de leitura