O diário de Renato Russo: a vida como poderia ser

Artista morto automaticamente faz abrir seu baú de obras guardadas - largadas, esquecidas, desprezadas. Basta cumprir um tempo razoável de luto e, pronto, começam os boatos sobre o que vai sair, as coisas inéditas que serão lançadas - e, claro, às vezes nem esperam a missa de sétimo dia para começar a negociar. Muita coisa … Continue lendo O diário de Renato Russo: a vida como poderia ser