Dos arquivos: a prosa elegante de Muriel Barbery

Comprei "A Morte do Gourmet" (Companhia das Letras) no impulso, após ler a contracapa. A história: um crítico gastronômico está à beira da morte e revê sua obra e vida nos momentos finais, à procura de um sabor único, que não consegue lembrar. Muriel Barbery, francesa filósofa e radicada na Normandia, criou um protagonista cuja voz … Continue lendo Dos arquivos: a prosa elegante de Muriel Barbery

Da biblioteca de casa – Muriel Barbery

"Termino às nove da noite, e de súbito me sinto velha e muito deprimida. A morte não me apavora, menos ainda a de Pierra Arthens, mas é a expectativa que é insuportável, esse oco suspenso do ainda não, diante do qual sentimos a inutilidade das batalhas. Sento-me sozinha, em silêncio, sem luz, e experimento a … Continue lendo Da biblioteca de casa – Muriel Barbery