Da biblioteca de casa: “Morte e Vida Severina”

"Antes de sair de casa aprendi a ladainha das vilas que vou passar na minha longa descida. Sei que há muitas vilas grandes, cidades que elas são ditas; sei que há simples arruados, sei que há vilas pequeninas, todas formando um rosário cujas contas fossem vilas, todas formando um rosário de que a estrada fosse … Continue lendo Da biblioteca de casa: “Morte e Vida Severina”

O virar das páginas

Quando era criança, meus pais e eu tínhamos um acordo: em um mês, eu ganhava um disco, para no outro eles me darem um livro. A memória que tenho é esta, não me lembro quando começou, por que e quando acabou esse acordo. Devia ter uns 10, 11 anos, acho. Só me resta mais uma … Continue lendo O virar das páginas