Memórias se encharcam de lirismo em crônicas de jornalista

Ao terminar o livro, você sente o cheiro da terra úmida, da chuva que se aproxima, aroma difundido por grama e árvores. "Ribanceira", reunião de crônicas e relatos memorialísticos da jornalista Dolores Mendes, provoca essa sensação ao leitor, além de promover uma volta ao passado, ao seu próprio, estimulado pelas lembranças da escritora. Natural de … Continue lendo Memórias se encharcam de lirismo em crônicas de jornalista

Eliane Brum: “Escrever sempre é uma entrega profunda e perturbadora”

Eliane Brum abriu seu caminho ao dar espaço aos invisíveis, anônimos que habitam as cidades e os campos e que raramente têm voz. Com sensibilidade e uma prosa elegante, suas reportagens podem ser consideradas capítulos de uma história oral que o Brasil ousa em não ouvir. Autora das coletâneas de perfis e reportagens "A Vida … Continue lendo Eliane Brum: “Escrever sempre é uma entrega profunda e perturbadora”

Um ritual de acasalamento, ou em busca do tempo perdido

O jornalista e publicitário Paulo Sales escreveu em seu blog, Este Lado do Paraíso, sobre o encontro entre livro e leitor, como cada um seduz seu companheiro - ou, em alguns casos, sobre a separação entre ambos. No fundo, escreveu sobre o prazer da leitura, como esse prazer nos acompanha ao longo dos anos e … Continue lendo Um ritual de acasalamento, ou em busca do tempo perdido