A leitura de uma Nobel

Não me entusiasmo normalmente pelas nomeações do Nobel de Literatura. Dificilmente saiu à procura de algum autor desconhecido para mim após a premiação. Há os que vencem e que já foram lidos, como Mario Vargas Llosa e Jean-Marie Gustave Le Clézio. Talvez eu leia um dia Doris Lessing, por conta de um texto antigo de … Continue lendo A leitura de uma Nobel

Pantaleão me visita novamente: uma releitura de Llosa

Livro encerrado, livro aberto. Escolhi ler "Os Filhos da Meia-Noite" (Companhia das Letras), de Salman Rushdie, uma edição eletrônica que comprei por R$ 9,90 no Kobo em uma das várias promoções que a editora fez para e-books. Os livros eletrônicos permitem, quando alcançam preços razoáveis, descobertas e redescobertas. Por esse preço, a minha biblioteca no … Continue lendo Pantaleão me visita novamente: uma releitura de Llosa