Notas de Leitura – Três autores japoneses

Anotações sobre a leitura de três autores japoneses, todos excepcionais: Nagai Kafu, Jun'Ichiro Tanizaki e Akutagawa.

Um escritor que desafiou os tabus do Japão

Após ler "Diário de um Velho Louco" (Estação Liberdade), fiquei curioso em conhecer mais da obra do japonês Junichiro Tanizaki. Nesse livro, o escritor trata de sexualidade e tabus numa sociedade que respeita as tradições e vê na ocidentalização mais do que um choque cultural, mas principalmente uma quebra de costumes ancestrais. Nada então como … Continue lendo Um escritor que desafiou os tabus do Japão

A perversão de um velho louco diante da morte

O trabalho que a editora Estação Liberdade vem fazendo com a literatura japonesa é semelhante ao que a Editora 34 realiza com a literatura russa. Traduções diretas do original, cuidado nas edições, bom acabamento e curadoria de autores que vão dos clássicos aos mais desconhecidos. Da Liberdade, sou seguidor das obras de Yasunari Kawabata. Recentemente, li … Continue lendo A perversão de um velho louco diante da morte