Brasil, Comentário, Memórias

Ainda estou aqui

Sim, ainda estou aqui. Uso o título do novo livro de Marcelo Rubens Paiva para abrir o post que marca a volta às atividades do blog depois de um pequeno recesso. Nesse hiato, o ritmo de leitura diminuiu, e os livros ficaram restritos a dois: "Ainda Estou Aqui" (Alfaguara) e "O Vento que Arrasa" (CosacNaify),… Continuar lendo Ainda estou aqui

Brasil, Entrevista, Música

André Barcinski investiga pop do Brasil em “Pavões Misteriosos”

Entre o Tropicalismo e a explosão do chamado BRock nos anos 80, há um período na música brasileira que pouco foi pesquisado e é visto com certo preconceito. Artistas e discos são desprezados e classificados como descartáveis, conformistas. Um olhar mais atento ao início revela que os anos 70 marcou uma época em que o pop brasileiro ganhou… Continuar lendo André Barcinski investiga pop do Brasil em “Pavões Misteriosos”

Comentário, Ficção, Portugal

As névoas da memória

Quando li que Raduan Nassar se inspirou em "A Paixão", do português Almeida Faria, para escrever "Lavoura Arcaica", me vi obrigado a ler o livro lançado originalmente em 1965. "A Paixão" faz parte da tetralogia lusitana - os outros livros, inéditos no Brasil, são "Cortes", "Lusitânia" e "Cavaleiro Andante". Depois de anos fora de catálogo,… Continuar lendo As névoas da memória

Argentina, Arquivos, Comentário, Ficção

Dos arquivos: O sonho que precede a vingança

Começa com uma cena de crime. Um padre é assassinado no povoado de Tres Perdices, no que poderia se chamar de Argentina profunda. Ninguém entende. É o início de "A Quem de Direito" (Companhia das Letras), romance de Martín Caparrós, que capta um momento da história argentina para revivê-lo anos depois. Carlos era um militante… Continuar lendo Dos arquivos: O sonho que precede a vingança

Chile, Entrevista, Ficção

Alejandro Zambra fala com o blog: “Sabíamos que não havia nada que poderíamos ter feito”

Seus livros são curtos - o mais longo lançado no Brasil tem 157 páginas. Ele não tem medo de abrir um romance com a frase "No final ela morre e ele fica sozinho". O chileno Alejandro Zambra já é considerado um dos grandes autores sul-americanos, com romances, ensaios e poesia publicados. Nascido em 1975, não… Continuar lendo Alejandro Zambra fala com o blog: “Sabíamos que não havia nada que poderíamos ter feito”

Brasil, Comentário, Entrevista, Ficção

O lance de Pelé que virou um livro: Sérgio Rodrigues fala de “O Drible”

O livro começa com a descrição do gol que Pelé não fez contra o Uruguai, na Copa de 1970, um drible sem tocar a bola que deixou o goleiro Mazurkiewicz perdido. São seis páginas que resumem os nove segundos do lance, do passe de Tostão ao chute de Pelé que passa rente à trave direita… Continuar lendo O lance de Pelé que virou um livro: Sérgio Rodrigues fala de “O Drible”