Comentário, França, Literatura infantojuvenil

“This Is a Poem That Heals Fish”: um livro que respeita a criança

Descobri o livro na newsletter Brain Pickings. É lindo e emociona.

Brasil, Inglaterra, Literatura infantojuvenil, Reportagem

Mas louco é quem me diz

"- Mas eu não quero ir parar no meio de gente maluca - observou Alice. - Ah, não adianta nada você querer ou não - disse o Gato. - Nós somos todos loucos por aqui. Eu sou louco. Você é louca. - E como você sabe que eu sou louca? - perguntou Alice. - Bem,… Continuar lendo Mas louco é quem me diz

Brasil, Colaboração, Entrevista, Literatura infantojuvenil

Angela Lago: “As crianças, é claro, também são capazes de refletir”

A escritora Angela Lago concedeu uma entrevista ao jornal "O Tempo" em que fala sobre o futuro da literatura infantil, tecnologia, política e mercado. Ex-militante, morou no exílio e hoje foca suas obras no folclore. Tem projetos ambiciosos, ancorados na tecnologia dos tablets:  "No ano passado, desenvolvi um projeto que ajuda a ler. A ideia é… Continuar lendo Angela Lago: “As crianças, é claro, também são capazes de refletir”

Arquivos, Artes plásticas, Chile, Espanha, Literatura infantojuvenil, Poesia, Reportagem

“Por que nos tempos escuros se escreve com tinta invisível?”, pergunta Neruda

Pablo Neruda não apenas construiu versos de amor e de cunho político, como os deixados nos livros "Cem Sonetos de Amor" e "Canto Geral", mas também fez de simples perguntas poesias, sem procurar respostas. Essas questões surgem em "O Livro das Perguntas" (CosacNaify, 2008), com tradução de Ferreira Gullar e ilustrações do espanhol Isidro Ferrer… Continuar lendo “Por que nos tempos escuros se escreve com tinta invisível?”, pergunta Neruda