Notas de um Leitor — edição 10

Nesta edição, escrevo a respeito de "Em Nome de Quem?", livro-reportagem de Andrea Dip sobre a bancada evangélica do Congresso Nacional. Tem também comentários sobre novela de Mark Twain, HQs, lista de desejos, indicações, links e um top 5 de livros de autores chilenos.

Anúncios

Josélia Aguiar: “A biografia de Jorge Amado é uma pequena contribuição na batalha contra a barbárie”

A jornalista e historiadora fala sobre sua biografia de Jorge Amado em entrevista ao blog.

Notas de um Leitor — edição 9

Nesta edição da coluna, escrevo sobre a HQ "Black Hole", de Charles Burns e o diário "Quarto de Despejo", de Carolina Maria de Jesus. Tem ainda lista de indicações, leituras rápidas e o top 5 de Virginia Woolf.

A crise das livrarias me levou a comprar “Oito do Sete”, livro premiado de Cristina Judar

Em "Oito do Sete", Cristina Judar desafia o leitor, que, se não tem uma obra convencional em suas mãos, encontra um livro que o faz caminhar por estar diante de um jogo narrativo muito bem estruturado e criativo. 

#HoradeClarice: uma entrevista para marcar o dia dedicado a Clarice Lispector

Neste 10 de dezembro, o IMS celebra o aniversário de nascimento da escritora, com a #HoradeClarice e o site dedicado ao projeto que visa divulgar a sua obra. Eu recupero a entrevista que fiz com Benjamin Moser, biógrafo da autora, publicada no jornal O Tempo, de Belo Horizonte.

A desilusão que restou no fim da leitura de Victor Heringer

Victor Heringer

Neste texto, escrevo como foi a experiência de ler Victor Heringer após passar por inúmeros elogios ao escritor, que morreu em março de 2018.

Notas de Leitura — China, PCC e uma fraude no jornalismo

Escrevo sobre os dois volumes finais da trilogia "Uma Vida Chinesa", um livro que investiga a fundo como o PCC nasceu, cresceu e se tornou uma facção gigantesca e um relato escrito por um jornalista americano que cometeu fraude.

Marcelo D’Salete: “A desigualdade extrema de hoje tem muito a ver com coisas que não foram superadas do período da escravidão”

Há duas HQs brasileiras que ultrapassam o sentido de entretenimento. "Cumbe" e "Angola Janga", ambas de Marcelo D'Salete, são obras que introduzem história, sociologia, antropologia, uma interdisciplinaridade necessária para os temas que o autor coloca em suas páginas. As duas HQs, lançadas pela Veneta, retratam o período colonial brasileiro, sob a ótica dos escravos.

Notas de um Leitor — edição 7

Nana Queiroz

A coluna encerra sua trajetória com destaque para dois livros de não ficção: "Presos que Menstruam", de Nana Queiroz, e "A Arte do Descaso", de Cristina Tardáguila. Também tem comentários de obras de Dalton Trumbo, Sándor Márai e Timothy Snyder. O top 5 é de Ian McEwan.

Ana Paula Maia: “Todos os meus livros são brutos”

A escritora Ana Paula Maia

"Todos os meus livros têm por base essa investigação e especulação sobre a natureza da maldade." É dessa forma que Ana Paula Maia descreve seu trabalho. Em entrevista, ela fala sobre seu trabalho e os personagens, dominados pela violência e a presença de animais. Comento também sobre a leitura seguida de cinco de seus livros.