Colaboração, Estados Unidos, Ficção, Notas de leitura

Achados da Estante Virtual – “Uma Manhã em Tidewater”

Por Enzo Potel

tidewaterEmbora nascido no sul dos Estados Unidos, William Styron pertence a uma geração posterior àquela dos grandes mestres da literatura sulista (Eudora Welty e Flannery O’Connor no conto, William Faulkner no romance). Styron trabalha com uma nova configuração de sociedade, sob conceitos que até poderiam se passar em outra parte qualquer do país. Porém, existe um conto soberbo no livro “Uma Manhã em Tidewater” que resgata aquela sociedade anterior: “Shadrach”, que ficou com 35 páginas nessa edição da Rocco e já vale a compra do livro.
“Shadrach” se passa no Estado da Virginia, na década de 30, e conta a história de um homem negro com 99 anos de idade, chegando para morrer na fazenda onde fora escravo durante a infância. Atravessou dois Estados a pé para isso. Não bastasse tal personagem extraordinário, o texto se constrói principalmente na reação da família de brancos pobres (que agora mora naquela casa) diante dessa situação inegável, e é escrito com uma delicadeza primorosa, com jeito de memória amada.
*****
Enzo Potel é poeta, autor de “Conto de Facas” e “Cura”. Ele enviou para o blog uma proposta: escrever pequenas pílulas de livros encontrados na Estante Virtual por um bom preço e que valem a pena serem descobertos. Seus textos são publicados regularmente no blog.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s